A técnica ombré hair já deixou se ser uma tendência e tem se tornado quase um estilo de vida. É difícil achar uma celebridade de cabelos longos ou médios que não tenha aderido.

As ombré highlights são mechas suavemente clareadas ao longo do cabelo, formando um degradê de tons.

O cabelo ombré pode ser feito de diversas formas. O mais desejado tem inspiração em mechas naturais de sol em cabelos castanho claro ou loiro escuro e tem como objetivo justamente iluminar as madeixas de uma forma natural. Também é super adorado porque substitui a tintura loiro total, evitando que o retoque tenha de ser feito frequentemente.

ombre-edit

A técnica também serve para quem não tem intenção nenhuma de ser loira. A dica é que as mechas tenham o degrade bem suave em tons de castanho ao longo do comprimento, até ficarem quase platinadas nas pontas. Outra dica é que a descoloração mais próxima à raiz seja bem distribuída.

Cabelos curtos ou médios também ficam lindos com ombré highlights! Como o degradê acaba ficando mais drástico, o cabelo ondulado suaviza o contraste e ilumina cachos e ondas.

As ombré highlights quase sempre são confundidas com mechas californianas. As técnicas são realmente parecidas, só que as californianas são descoloridas nas pontas dos cabelos, nos últimos cinco dedos no máximo, e o degrade acaba sendo mais drástico.

Já o ombré hair tem o degradê mais longo e suave que toma quase o cabelo inteiro. Geralmente a descoloração começa três dedos abaixo da raiz.

Eu poderia passar um passo a passo para vocês fazerem em casa, mas o ideal mesmo é procurar um profissional, principalmente se você quer o ombré hair. O degradê bonito, suave e natural é difícil de ser alcançado em casa se você não conhece bem colorações de cabelo. Mas temos aqui algumas dicas para quem já aderiu ou pretende aderir à tendência:

1. A partir do momento que seu cabelo é descolorido, adote produtos específicos para cabelos tingidos.

2. Faça hidratações caseiras semanalmente

3. Faça hidratações profissionais e mais profundas mensalmente ou duas vezes por mês

 E aí, gostou da técnica e pretende aderir? Se já aderiu, conta pra gente o que achou!

Beijos, Paola Christine!

Comentários

comentários